1 de fev de 2017

MISS UNIVERSE 2016


Miss Universo, vai muito além de mulheres lindas, vestidos exuberantes e disputa. Mas acho que os internautas esqueceram disso. Fora as inúmeras polêmicas que ficaram em torno do concurso, como Miss Canadá, Miss Haiti e o Apresentador, o que importa foi que: A torcida foi grande!

Finalistas do Miss Universe 2016
Creio que milhões de brasileiros estava assim como eu, ansioso e torcendo muito por nossa brasileira Raissa Santana. Nossa Miss Paraná. A maravilhosa ficou entre as 12 selecionadas e mostrou que tinha total capacidade de estar lá representando o Brasil. Após 30 anos em que nenhuma negra nos representava, Raissa estava lá, linda e com um sorriso de tirar o fôlego.

Miss Brasil Raissa Santana
Porém, após sua desclassificação a internet enlouqueceu e começou a atacar outras candidatas, uma que chocou muito foi a Miss Canadá. Em relação ao padrão estabelecido pelo Miss Universo ela estava acima do peso e com isso o que não faltou foi afrontamentos e palavras ofensivas. Outra que também sofreu ofensas foi a Miss Haiti, que era a mais alta do concurso e tinha uma pinta no rosto.

Aquela famosa frase: "Queria ser gorda igual a Miss Canadá"
Sabe, a resposta a todas essas ofensas está em um texto que um amigo meu escreveu:
"... Um concurso onde finalmente os padrões de beleza ditos como "certos" estão começando a evoluir, ler certos tipo de comentários mostra que quem tem que evoluir são as próprias pessoas.
Após a derrota da Miss Brasil - Raissa Santana, começou a enxurrada de comentários. Meu feed que há alguns dias atrás só tinha pessoas compartilhando o vídeo da Fernanda Lima queimando sutiã na abertura de Amor e Sexo, exaltando o feminismo e que as mulheres podem ser o que elas quiserem; foi tomado por comentários (das mesmas pessoas) chamando uma das candidatas de gorda, baleia e afins. Outros tiravam sarro de outra candidata apenas por ela ter uma pinta, falando que ela tinha um carrapato no rosto.
Felizmente essa edição do concurso foi diferente, senti que os organizadores queriam que de fato criássemos um laço e apreço pelas candidatas. Onde a beleza é importante, mas não fundamental. O conteúdo, o engajamento e objetivos de cada uma estão tendo um peso maior. O que é ótimo para finalmente quebrar os padrões e termos todas as raças, pesos e medidas em um concurso que representa a mulher; sem contar que o conceito de beleza é muito RELATIVO.
Uma rápida pesquisa, vi que a miss em questão se chama Siera Bearchell e da um banho de auto aceitação. Em suas redes sociais respondendo comentários maldosos e com um discurso muito forte e empoderado. Maravilhosa!
Creio que uma miss para ser completa, não precisa ser necessariamente magra, e sim um conjunto de qualidades que fazem dela especial e cativante..." Henrique Almeida.

Já pensando em coisas boas, a Miss França ficou chocada quando chamaram seu nome e alegria tomou conta. Confesso que não estava torcendo pra ela, entre as três a minha favorita era Miss Haiti pois fugia do óbvio. Mas também com todo merecimento Miss França levou este ano e estava deslumbrante.

Miss Universo 2016
E além dos problemas de preconceitos, houve também a tentativa de amenizar a catástrofe que foi a apresentação passada. A Miss Colômbia, fez um perdão público em nome dos Colombianos ao Apresentador que no ano passado errou o anuncio e deixou que a Miss Colômbia fosse Miss Universo 2016 por apenas alguns segundos, em seu discurso a Miss enfatizou que " Errar é humano."


E também na mesma tentativa de descontração a Miss Universo 2015, a então Miss Filiphinas. Deu um óculos ao Apresentador para que ele anunciasse a Miss Universo 2016. rs
Achei que produção do Miss Universo foi muito bem feito em relação a este problema e que o Apresentador se saiu muito bem. Nos trouxe a impressão que o que passou, passou. Tudo perdoado!

Ok, o Miss Universo acabou mas a Miss Holanda ainda conseguiu chamar atenção. nos intervalos a doida começou a dançar Beyoncé e é claro não passou despercebida.



Veja todos os acontecimentos finais e o anúncio da Miss Universo 2017:

Nenhum comentário

Postar um comentário